Titânio - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



176 Slides Power Point grátis

Só baixar, editar e começar a usar.

Titânio


  Bioquímica
A presenþa do titÔnio na maioria dos minerais da crosta terrestre passou despercebida durante sÚculos, em virtude da semelhanþa de suas propriedades com as do silÝcio.
TitÔnio Ú um elemento quÝmico pertencente ao grupo dos metais de transiþÒo (IVb), de sÝmbolo Ti. ╔ cinza prateado, lustroso, duro e quebradiþo quando frio, mas maleßvel quando aquecido e d·ctil quando puro. NÒo existe em estado livre, mas, combinado a outros elementos, Ú o nono em abundÔncia na crosta terrestre. Estß presente em praticamente todas as rochas, areias, argilas e outros tipos de solos; no Sol; nos meteoritos; e nas rochas lunares numa proporþÒo de 7 a 12%, segundo amostras colhidas pela nave Apolo 11.
Um composto de titÔnio foi descoberto em 1791 pelo clÚrigo inglÛs William Gregor, que investigava uma terra negra da Cornualha. Em 1795, Martin Heinrich Klaproth encontrou-o no rutilo e deu-lhe o nome atual. Foi isolado impuro, em 1825, por J÷ns Jacob Berzelius e, em 1887, pelos suecos Sven Otto Pettersson e Lars Fredrik Nilson. Em 1910, Matthew A. Hunter obteve-o puro, com teor de 99,9%, pela reduþÒo do cloreto de titÔnio com s¾dio num recipiente de aþo.
ObtÚm-se titÔnio comercialmente pela reduþÒo de tetracloreto de titÔnio com magnÚsio. O titÔnio forma importantes ligas, como as de ferro, de alumÝnio, de molibdÛnio e de manganÛs, que sÒo usadas em mÝsseis e na fabricaþÒo de naves espaciais, devido a sua resistÛncia a temperaturas extremas e luz forte. Os principais compostos de titÔnio sÒo o di¾xido (TiO2), usado na fabricaþÒo de pigmentos brancos, base para diversos tipos de tinta; e o tetracloreto de titÔnio (TiCl4), empregado, por sua rßpida hidr¾lise (captaþÒo de ßgua), para criar cortinas de fumaþa.
h

Veja também: