Tempo De Decomposição Do Lixo - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Tempo De Decomposição Do Lixo


  Meio Ambiente

Todos os dias despejamos uma certa quantidade de materiais no meio ambiente. O nosso lixo é proveniente de itens de nosso consumo habitual e que precisam ser descartados sempre após um determinado prazo de utilização ou quando terminam.

Assim como o nosso lixo, chamado de lixo doméstico, ainda existem aqueles despejos feitos por empresas e grandes indústrias e quanto maior for, mais lixo é gerado.

O cuidado em direcionar melhor esses resíduos vai reduzir uma série de danos à natureza, inclusive a poluição. É por esse motivo que o despejo correto é eficiente ou então a reciclagem de seu lixo. Para que saibamos mais sobre esse assunto, assim como conheçamos quanto tempo leva uma simples garrafa de água que jogamos nas ruas leva para sumir do meio ambiente.


Porque Se Preocupar Com o Despejo Correto Do Lixo?

Não poderia ter outro motivo para ser citado primeiro do que a poluição que um lixo mal despejado causa. Latas, sacos plásticos, papeis, garrafas e tantos outros objetos podem levar até 100 anos para se decompuser totalmente da natureza. Agora imagina quantas latinhas, garrafas, sacos plásticos e muito mais que vão se acumulando de anos em anos?

A poluição do meio ambiente é um problema que existe há milhares de anos, mas chegamos a uma época em que o agravante está praticamente no limite e se não tomarmos conta, iremos sofrer sérias consequências. E já estamos sofrendo, na verdade, com essa quantidade de ondas fora do comum, chuvas fortes, derrapamentos, queimadas e outros fenômenos naturais inexplicáveis e imprevisíveis.

Plástico

O plástico ainda é o objeto que mais polui o meio ambiente. Dependendo da sua forma ele tem um tempo de degradação diferente. Latas e copos de plásticos, por exemplo, levam 50 anos para sumirem totalmente do meio ambiente, já a garrafa plástica leva 400 anos. A idade média para um plástico se degradar totalmente é de 100 anos, entre todas as suas formas, composição e tamanho.

Os plásticos são formados através da união de cadeias moleculares imensas que são chamadas de polímeros. Estes polímeros formam uma substância que é derivada do petróleo e possui uma grande massa molar. Esses polímeros são renováveis, pois são feitos de uma resina chamada Polietileno de Baixa Densidade (PEBD) e gerados a partir da polimerização.

Atualmente, somente o despejo de sacos plásticos não biodegradável por pessoa ultrapassa 150 toneladas por ano e isso vem causando uma série de problemas ao meio ambiente. Além de poluir o ambiente ainda dificulta outros itens a se degradarem, favorecendo a proliferação de fungos e as bactérias.

Palito

Se você mora em cidades onde o clima é mais alto, com certeza você facilmente encontrará carrinhos de picolé pelas vias públicas não é verdade? Agora imagina uma população inteira de uma grande cidade desse mesmo tipo consumindo somente um único picolé por dia jogando o palito no meio ambiente. Um número bem considerável de lixo seria gerado e apesar deles levarem apenas 6 meses para se decompuserem, ainda geram um acumulo de poluentes considerável.

Chiclete

Aprendemos a gostar de chicletes desde quando somos crianças, apesar desse gosto diminuir ou sumir de vez quando crescemos. A goma de mascar como também é conhecido esse doce é feito a partir do látex de uma árvore denominada chicle, sendo produzido apenas para mascar e não engolir, apesar disso acontecer acidentalmente algumas vezes.

A borracha sintética extraída da árvore chicle se chama poli-isobutileno. Para a formação da goma de mascar ela é misturada com açúcares, corantes e outros temperos, que são exatamente os componentes que dão aquele gostinho tão saboroso ao confeito.

O tempo de degradação de um único chiclete quando jogado ao meio ambiente é de 5 anos. O número de toneladas de chicletes jogados ao meio ambiente em uma única noite é imenso, por isso a preocupação com esse despejo. Além de poluírem o meio ambiente ainda tornam-se desagradáveis por grudarem em todo canto.

Fralda Descartável

Quem tem bebê recém-nascido em casa sabe que o consumo de fraldas descartáveis é bem grande. A medida que os filhos crescem, os pais reduzem o número de fraldas descartáveis utilizadas, mas mesmo assim o número é alto. Em média o lixo gerado por um bebê somente de fraldas descartáveis é de 130 quilos de plástico por ano e se for contar com a embalagem esse número vai subir para 300 a 400 quilos de plástico por ano.

Cada fralda descartável leva de 450 a 650 anos para se degradar totalmente e se ela for biodegradável leva 1 ano. Este é o principal fator do crescimento de indústria de fraldas biodegradáveis ao redor do mundo. As fraldas descartáveis ocupam hoje 2% de um lixão e por esse motivo o direcionamento correto faz toda diferença.

Na Inglaterra, existe um modelo muito interessante de descarte de lixo de fraldas descartáveis, pois por lá o governo disponibilizou uma quantidade de usinas onde todos os componentes das fraldas são tratados, depois elas são lavadas e processadas e a partir de então se transformam em telhas e capacetes para ciclistas. Aqui ainda não temos uma política de reaproveitamento das fraldas descartáveis, mas fica a dica para o nosso governo do exemplo inglês.

Como Despejar Corretamente o Lixo

O despejo correto do seu lixo vai evitar uma série de problemas a começar pela poluição do meio ambiente que inclui principalmente o ar e as águas. Sabemos que existem lixões para onde vão os saquinhos que despejamos todos os dias ou nos dias de coleta para serem levados, porém ainda assim é possível dar um melhor tratamento ao seu lixo.

A coleta seletiva é uma opção inteligente, sustentável e ajuda bastante a resolver uma série de problemas. O fato de você separar o seu lixo e destiná-lo à locais devidos, vai evitar de ver depois papeis, garrafas e tantos outros itens que são deixados para trás como resultado de um tratamento nada eficiente. Mesmo não sendo uma prática tão comum, a coleta seletiva ainda é a mais indicada para qualquer um dos casos citados acima.


Veja também: