Sobreiro - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



176 Slides Power Point grátis

Só baixar, editar e começar a usar.

Sobreiro


  Botânica

Nativo do sul da Europa e do norte da ┴frica, o sobreiro foi introduzido no Brasil, a princÝpio, apenas como espÚcie ornamental. Sua principal caracterÝstica, no entanto, Ú a casca esponjosa pela qual a cultivam, em especial nos paÝses do MediterrÔneo e na Calif¾rnia, industrializada como cortiþa.
┴rvore de 5 a 15m de altura, o sobreiro (Quercus suber) pertence Ó famÝla das fagßceas, a mesma da faia, do castanheiro e do carvalho. De tronco em geral tortuoso, tem folhas corißceas, brilhantes, serrilhadas e perenes, que sÒo verdes por cima e esbranquiþadas por baixo. O fruto, uma bolota com escamas pouco salientes, Ú comestÝvel mas amargo e se utiliza na Europa como alimento para o gado.
A cortiþa, camada suberosa que reveste o caule, Ú constituÝda de cÚlulas mortas que formam cavidades cheias de ar. O conjunto, impermeßvel e de grande leveza, tem por principal funþÒo proteger a ßrvore, quer de traumas mecÔnicos, quer do calor e dos ventos secos do verÒo em suas terras de origem. O grosso da produþÒo mundial de cortiþa Ú garantido pelos sobreiros da Espanha, Portugal, Itßlia, sul da Franþa e paÝses do norte da ┴frica como a ArgÚlia. SucedÔneos da cortiþa legÝtima sÒo fornecidos por vßrias outras espÚcies, como Quercus variablis, do JapÒo, e o pau-de-cortiþa, pau-santo, folha-santa ou pinhÒo brasileiro (Kielmeyera speciosa), nativo da Bahia a SÒo Paulo, Minas Gerais e Goißs.

Veja também: