Sentido do Tato - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Sentido do Tato


  Anatomia Humana
Nos primeiros anos de vida, o conhecimento que o homem adquire do mundo que o cerca se deve, em grande parte, ao sentido do tato. Tocar, manipular e segurar objetos sÒo atividades bßsicas para o desenvolvimento nÒo apenas fÝsico, como tambÚm mental e emocional do ser humano.
O sentido do tato permite obter informaþ§es sobre grande n·mero de caracterÝsticas dos corpos fÝsicos, como suas propriedades mecÔnicas, textura e grau de dureza. O tato abrange trÛs tipos de sensibilidade: mecÔnica, tÚrmica e dolorosa. Os receptores sensoriais tßteis estÒo presentes na maior parte das espÚcies animais, tanto na superfÝcie do corpo como em diferentes ¾rgÒos internos. Permitem conhecer as caracterÝsticas do ambiente e tambÚm o estado de muitas estruturas orgÔnicas.
Nos invertebrados, os receptores tßteis costumam aparecer como filamentos, pÛlos ou projeþ§es sensÝveis ao atrito, ao contato ou Ó pressÒo. Um bom exemplo sÒo os tentßculos tßteis dos moluscos gastr¾podes, como o caracol, ou as antenas de crustßceos e insetos, que cumprem tambÚm uma importante funþÒo olfativa. Em geral, trata-se de terminaþ§es nervosas livres, providas de ramificaþ§es.
Nos vertebrados, os receptores tßteis cutÔneos sÒo terminaþ§es de cÚlulas epiteliais em cuja base conecta-se uma fibra nervosa. Existem tambÚm os receptores tßteis internos, situados em m·sculos, tend§es, membranas e ßreas do tecido conjuntivo, que fornecem informaþ§es sobre a tensÒo a que se acham submetidas essas estruturas. Alguns proprioceptores (como sÒo chamados esses receptores) para estÝmulos mecÔnicos fornecem, entre outras informaþ§es, dados sobre postura corporal e movimentos de algumas partes do corpo com relaþÒo a outras.
As regi§es do corpo que estÒo mais expostas ao contato com objetos do ambiente externo contam com um n·mero maior de receptores tßteis. Assim ocorre, por exemplo, com as extremidades do corpo, a regiÒo ventral dos vertebrados que se locomovem por reptaþÒo, a boca etc. SÒo particularmente sensÝveis certas formaþ§es especÝficas de alguns mamÝferos: as chamadas vibrissas (os bigodes do gato), pÛlos longos e delicados pr¾prios principalmente de espÚcies com hßbitos noturnos. As ßreas genitais sÒo tambÚm ricas nesse tipo de terminaþ§es, assim como a base dos pÛlos dos mamÝferos.
A inervaþÒo cutÔnea Ú extremamente complexa. As terminaþ§es sensoriais podem ser livres ou protegidas por uma cßpsula, caso em que sÒo chamadas corp·sculos. Os trÛs tipos principais de corp·sculos sÒo: os de Meissner, abundantes na palma da mÒo humana; os corp·sculos de Pacini, situados sobretudo em regi§es mais profundas da pele e no tecido conjuntivo subcutÔneo das mÒos e dos pÚs; e os de Ruffini, encontrados em ligamentos, juntas e tecidos subcutÔneos.
No passado, os cientistas acreditavam que cada uma dessas estruturas especializadas era responsßvel pela percepþÒo de um tipo de sensaþÒo, mas experiÛncias de extirpaþÒo dessas estruturas nÒo forneceram dados conclusivos. AlÚm disso, Ú possÝvel estimular a c¾rnea, que apresenta apenas terminaþ§es nervosas livres, para produzir sensaþ§es de dor, pressÒo, frio e calor. Sabe-se, porÚm, que os corp·sculos de Pacini reagem somente Ó deformaþÒo mecÔnica.