Puna - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Puna


  Geografia Fisica

Fortes ventos e extrema aridez imperam na puna, inóspito planalto da América do Sul onde se situa La Paz, capital da Bolívia.

Puna -- cume, em quíchua -- ou altiplano andino é o nome dado à região da cordilheira dos Andes compreendida entre o noroeste do lago Titicaca e o sudeste da Bolívia. A uma altitude entre 3.500 e 4.800 m, cobre quase 500.000 km² das elevadas altitudes andinas, nos territórios do Peru, da Bolívia, do norte do Chile e da Argentina. No lado leste do planalto, no entanto, há um trecho de pouca inclinação que se estende na direção sul e atravessa a Bolívia. A vegetação dominante se compõe de pequenas árvores e arbustos da espécie Parastrephia leipdophylla e P. phylicaefolia nas áreas mais úmidas, e Psila bolivensis no sudoeste, mais seco.

Apesar de ocupada pelo homem há milênios, a puna apresenta difíceis condições para a sobrevivência. Durante boa parte do ano registram-se fortes geadas noturnas e temperaturas de até 35º C ao meio-dia. Os ventos são freqüentes, a umidade atmosférica baixa e as temperaturas médias anuais oscilam entre 3º C e 8º C. As precipitações, em geral pouco abundantes, caem sob forma de chuva, neve ou granizo durante uma estação úmida que coincide com o verão do hemisfério sul.

No norte, a estação chuvosa é mais prolongada e as precipitações relativamente abundantes, o que permite o cultivo de lavouras sem irrigação. A cobertura vegetal também é mais rica nas regiões setentrionais da puna, que se torna semidesértica nas meridionais. A hidrografia da região carece de redes fluviais, embora algumas áreas de menor altitude, no oeste da Bolívia e em Atacama, noroeste da Argentina, apresentem grandes massas de água como os lagos Titicaca e Poopó.

A puna constitui o habitat natural dos camelídeos sul-americanos. A lhama e a alpaca foram domesticadas, enquanto a vicunha e o guanaco permanecem em estado selvagem e sofrem ameaça de extinção. A colonização espanhola trouxe espécies europeias, como o gado bovino e o ovino, que criaram problemas associados à superexploração dos pastos.


Veja também: