Paul Ehrlich - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Paul Ehrlich


  Biografias
Pesquisas sobre a aplicação da química à biologia e a descoberta do primeiro tratamento eficaz contra a sífilis valeram a Ehrlich o Prêmio Nobel de fisiologia ou medicina em 1908.
Paul Ehrlich nasceu em Strehlen, Prússia, em 14 de março de 1854, numa influente família judia. Já como estudante de medicina na Universidade de Leipzig, efetuou diversas pesquisas sobre a presença de substâncias estranhas no organismo e sobre matérias corantes e sua aplicação no estudo de diferentes processos tóxicos. A partir de 1889 concentrou-se em pesquisas sobre os processos imunológicos e no estudo de algumas toxinas, como a da difteria, daí chegando ao estabelecimento da teoria dos anticorpos desenvolvidos pelo organismo em reação contra as afecções microbianas. Posteriormente, analisou a ação e eficácia de diversos agentes terapêuticos e produtos químicos e comprovou seu efeito letal sobre alguns protozoários patogênicos.
Seus estudos sobre processos de coloração das células e dos tecidos e sua classificação dos corantes químicos em ácidos, básicos e neutros revolucionaram os métodos de laboratório e abriram novos horizontes para o tratamento das doenças infecciosas. No campo da quimioterapia, após realizar centenas de experiências com compostos químicos de alta toxicidade, conseguiu, em 1909, transformar o anidrido arsenioso em derivados orgânicos e obter um preparado novo, o Salvarsan, que se tornou o principal medicamento contra a sífilis, até o aparecimento da penicilina e dos novos antibióticos. Paul Ehrlich morreu em 20 de agosto de 1915, em Homburg, Alemanha.
.c

Veja também: