Maim“nides - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Maim“nides


  Biografias
Considerado unanimemente o maior dos pensadores  judeus medievais, Maimônides exerceu grande influência tanto no meio hebraico como fora dele, e procurou conciliar os princípios religiosos com o conhecimento fundado na razão.
Moisés ben Maimon, conhecido como Maimônides, nasceu em Córdoba, na Andaluzia, em 30 de março de 1135. Pertencia a uma ilustre família de eruditos e, em idade ainda tenra, já assombrava seus mestres com a amplitude e profundidade de seu saber. A ocupação da Andaluzia pela seita dos almôadas, em 1148, pôs a comunidade hebraica na situação crítica de abraçar a fé islâmica ou abandonar a cidade. Durante os 11 anos seguintes a família de Maimônides escondeu sua religião até mudar-se para Fez, no norte da África. Logo, porém, se viu obrigada a emigrar de novo, para em 1165 estabelecer-se no Egito. Ali viveu Maimônides o resto da vida, dedicado aos estudos talmúdicos e filosóficos e ao exercício da medicina, em que se distinguiu a ponto de ser chamado a integrar a corte do sultão Saladino.
A obra de Maimônides foi prolífica. No terreno estritamente religioso, foram notáveis um comentário em árabe sobre a Mischná, codificação tradicional da lei judaica, que sintetizou e esclareceu, e outro em hebraico sobre o Talmude. O maior tratado filosófico de Maimônides, porém, escrito originalmente em árabe, é o célebre Dalalat al-hairin (Guia dos perplexos), em que trabalhou durante 15 anos, a partir de 1176.
O Dalalat al-hairin, que propõe a concordância entre fé e razão, e a necessidade de harmonizar religião, filosofia e ciência, despertou divergências entre os judeus ortodoxos, mas finalmente foi aceito. Traduzido primeiramente para o hebraico, com o título More nevukhim, e logo para o latim, inspirou a escolástica cristã medieval, especialmente santo Tomás de Aquino, e filósofos racionalistas do século XVII, como Spinoza e Leibniz. Maimônides morreu no Egito em 13 de dezembro de 1204 e foi enterrado em Tiberíades, Palestina. Seu túmulo se tornou lugar de peregrinação para o povo judeu.
line-toda

Veja também: