Louis Sullivan - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



176 Slides Power Point grátis

Só baixar, editar e começar a usar.

Louis Sullivan


  Biografias
O mais importante representante da escola de Chicago, que desenvolveu a estética funcionalista dos arranha-céus, Louis Sullivan trabalhou pela renovação da arquitetura e para impor a imagem do arquiteto como artista e criador, contra o ecletismo tradicional.
Louis Henry Sullivan nasceu em Boston, Estados Unidos, em 3 de setembro de 1856. Após o curso regular, ingressou em 1872 no Instituto Tecnológico de Massachusetts, primeira escola de arquitetura dos Estados Unidos, fundada em 1865. Trabalhou nesse período com William Le Baron Jenney, construtor do primeiro arranha-céu. Com a idéia de estudar em Paris, Sullivan realizou uma viagem à Europa em 1874.
O arquiteto retornou a Chicago em 1875, quando trabalhou como projetista para diversas firmas. Em 1881 fundou em Chicago, com o engenheiro Dankmar Adler, a companhia Adler and Sullivan, que construiu mais de cem edifícios. A primeira grande obra de Sullivan como arquiteto foi o Auditorium Building de Chicago (1886-1889), com uma torre de 17 pavimentos, no qual instalou seu escritório. Sua consagração veio, no entanto, graças ao edifício Wainwright de Saint Louis (1900), cuja estrutura, construída totalmente em aço e com predominância de elementos verticais, constituiu o modelo clássico dos arranha-céus. Características similares apresentou o edifício Guaranty de Buffalo, depois denominado Prudential, expressão de seus conceitos imaginativos e pessoais em decoração.
Depois da ruptura de sua associação com Adler em 1895, Sullivan continuou a trabalhar com sucesso durante algum tempo. Entre 1899 e 1904 dedicou-se à construção dos grandes armazéns Schlesinger & Mayer, em que demonstrou versatilidade ao empregar uma estrutura de marcada tendência horizontal e linhas simples, adaptada aos propósitos comerciais do edifício. A partir do fim da década de 1910, porém, a dificuldade de Sullivan na condução dos aspectos práticos relacionados à construção arquitetônica, trabalho antes realizado por Adler, motivou a redução na procura por seus projetos. Louis Sullivan morreu em Chicago, Estados Unidos, em 14 de abril de 1924.

Veja também: