Lariço - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Lariço


  Botânica

 Entre as árvores mais resistentes, capazes de suportar frios intensos e solos muito secos durante a maior parte do ano, se encontram os lariços, que em algumas espécies apresentam crescimento muito rápido. Erguem-se nas altas montanhas do centro da Europa, em plena taiga siberiana e no coração da América do Norte.
Árvore pertencente à ordem das coníferas e à família das pináceas, o lariço compreende várias espécies do gênero Larix, todas elas distribuídas por zonas frias e temperadas do hemisfério norte. É árvore de porte elegante, folhas circulares, semelhantes às do pinheiro e do cedro, e com órgãos reprodutores masculinos e femininos agrupados em cones. Ao contrário da maior parte das coníferas, o lariço tem folhas caducas e os grãos de pólen não possuem expansões laterais que permitam a difusão por meio do vento.
O lariço europeu (L. decidua ou L. europaea) alcança quarenta metros de altura e apresenta uma copa piramidal, de ramos longos e finos, com claros abundantes, que lhe dão um aspecto mais leve que o de outras coníferas. A madeira caracteriza-se pela grande elasticidade e resistência à invasão de insetos e Fungos; sua dureza é muito maior que a de outras espécies da mesma família. Destacam-se também o lariço japonês (L. leptolepis), de crescimento mais rápido que o europeu, o americano (L. laricina) e o siberiano (L. russica).



Veja também:




Copyright © 1999 - 2021 - Development by Dolci Tecnologia. Todos os direitos reservados