Karl Ernst von Baer - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



176 Slides Power Point grátis

Só baixar, editar e começar a usar.

Karl Ernst von Baer


  Biografias
Pioneiro em antropologia física e também em estudos geográficos, Baer adquiriu notoriedade por suas descobertas sobre o desenvolvimento embrionário animal, especialmente do óvulo, célula reprodutora feminina dos mamíferos.
Karl Ernst Ritter von Baer nasceu em Piep, Estônia, em 29 de fevereiro de 1792, numa família de origem prussiana. Aos 18 anos entrou para a Universidade de Dorpat, nome alemão da cidade estoniana modernamente chamada Tartu, onde estudou medicina. Prosseguiu sua formação em Viena e Berlim e em 1817 foi designado professor na Universidade de Königsberg, na Rússia, onde ensinou anatomia, zoologia e antropologia e desenvolveu suas principais pesquisas sobre embriologia.
Descobriu o notocórdio (esboço embrionário do esqueleto, semelhante a uma espinha dorsal rudimentar) dos vertebrados e completou os estudos iniciados por Christian H. Pander sobre as camadas embrionárias fundamentais (ectoderma, endoderma e mesoderma), sobre as quais formulou a teoria dos epitélios germinativos.
Em oposição à teoria preformista, segundo a qual o embrião é uma cópia em miniatura do indivíduo adulto, aderiu à teoria da epigênese, que considera o desenvolvimento embrionário e a diferenciação do embrião como originários de uma massa homogênea de matéria viva que não apresenta estruturas preformadas. Baer antecipou a teoria da recapitulação, segundo a qual o embrião, durante o desenvolvimento, repete a seqüência de suas espécies ancestrais.
Em 1834 Baer transferiu-se para São Petersburgo, na Rússia, onde foi nomeado membro da Academia de Ciências. Nessa instituição realizou complexos estudos geológicos, etnográficos, antropológicos e arqueológicos, deixando de lado a embriologia. Morreu em Dorpat, em 28 de novembro de 1876.

Veja também: