John Huston - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



John Huston


  Biografias
A produção de John Huston, que fez mais de sessenta filmes, como diretor, roteirista e ator, é quase uma antologia de meio século de cinema americano.
John Huston nasceu em 5 de agosto de 1906 em Nevada, Missouri. Filho do ator Walter Huston, desde criança acompanhou-o em viagens por todo o país. Foi boxeador, soldado da cavalaria mexicana, autor de contos e peças, jornalista e ator antes de começar a escrever para cinema, em 1931. Estreou como diretor em The Maltese Falcon (1941; Relíquia macabra), baseado no romance de Dashiell Hammett. O filme inaugurou a associação de Huston com Humphrey Bogart e tornou-se um clássico. Também se consagraram os documentários que realizou sobre a segunda guerra mundial, entre eles Let There Be Light (1945), proibido até 1981. Por discordar da política americana, Huston naturalizou-se irlandês em 1967.
Outros filmes seus se tornaram clássicos, como The Treasure of the Sierra Madre (1948; O tesouro de Sierra Madre), adaptado da história de B. Traven, com a emblemática cena final do ouro em pó disperso pelo vento. O tema do fracasso reaparece em The Misfits (1960; Os desajustados) e Prizzi"s Honor (1985; A honra do poderoso Prizzi), último filme que o cineasta lançou em vida e que deu o Oscar de melhor atriz a sua filha Anjelica Huston. Outros clássicos são Key Largo (1948; Paixões em fúria) e The Asphalt Jungle (1950; O segredo das jóias). Sua técnica era instintiva. Nunca filmava uma cena duas vezes; preferia solucionar os problemas na montagem.
Huston também atuou como ator em alguns de seus filmes, como The Life and Times of Judge Roy Bean (1972; Roy Bean, o homem da lei), e de outros diretores, destacando-se em Chinatown (1974), de Roman Polanski. Adaptou muitas obras literárias para o cinema, entre elas The Red Badge of Courage (1951; A glória de um covarde), de Stephen Crane; Moby Dick (1956), de Herman Melville; The Night of the Iguana (1964; A noite do iguana), de Tennessee Williams; The Man Who Would Be King (1975; O homem que queria ser rei), de Rudyard Kipling; e Under the Volcano (1984; À sombra do vulcão), de Malcolm Lowry.
Em 1980, publicou sua autobiografia, An Open Book (Um livro aberto). Seu último filme foi The Dead (1987; Os mortos), de lançamento póstumo, baseado num conto de James Joyce. Morreu em 28 de agosto de 1987 em Middletown, Rhode Island.
-now.com >where

Veja também: