Jaçanã - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



176 Slides Power Point grátis

Só baixar, editar e começar a usar.

Jaçanã


  Taxonomia

Ave aquática leve e esbelta, a jaçanã lembra um frango-d"água, embora não nade. Suas pernas muito altas e os dedos incomumente compridos são uma adaptação à vida sobre a vegetação flutuante: a passos largos, ela caminha sobre aguapés, salvínias e outras espécies vegetais, à cata de insetos, moluscos, pequenos peixes e sementes.
A jaçanã (Jacana jacana) pertence à família dos jacanídeos e mede 23cm. Exímia mergulhadora, vive em brejos e banhados. É negra, de manto castanho, bico amarelo e lobos membranosos frontais e laterais vermelhos. As rêmiges são verde-claras. No encontro de cada asa, à guisa de arma defensiva, há um esporão afiado. Os sexos têm cores semelhantes, mas a fêmea se distingue por ser mais robusta, pesando 160g contra apenas setenta do macho.
Ocorre na Ásia, na África, na maior parte da América tropical e em quase todo o Brasil, onde recebe nomes regionais como cafezinho (Rio Grande do Sul), casaca-de-couro (Minas Gerais) ou marrequinha ( Bahia). Fora da época de reprodução, é migratória, associando-se em bandos. Apenas o macho choca os quatro ovos postos em cada postura e zela pelos filhotes. A jaçanã aferra-se à defesa do território, especialmente quando procria, e improvisa o ninho sobre folhas de plantas aquáticas como as ninféias.

Veja também: