Grou - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



176 Slides Power Point grátis

Só baixar, editar e começar a usar.

Grou


  Taxonomia

Os brejos, pântanos, manguezais e zonas lacustres de diversas partes do mundo são o habitat do grou, que aí encontra recursos necessários à sobrevivência. Milhões de grous podem reunir-se em certas épocas do ano em torno de grandes lagos e de lagoas, onde promovem curiosas danças e cortejos na época da reprodução.

Grou é o nome comum de 14 espécies de aves do gênero Grus, da família dos gruídeos e ordem dos gruiformes. Pernaltas e de longos pescoços, os grous se encontram distribuídos por todo o mundo, à exceção da América do Sul.

O grou comum (Grus grus) adulto mede cerca de um metro de comprimento e pesa sete quilos. Tem cor acinzentada, com listras brancas ao longo do pescoço, alternadas com tons escuros. A parte superior da cabeça é avermelhada. Vive no norte da Europa, na Rússia e nas planícies asiáticas, de onde migra no inverno para o sul, até a península ibérica, norte da África e diversas regiões do sul da Ásia. Alimenta-se de plantas aquáticas, insetos, répteis, anfíbios e vermes que captura com o forte bico nas águas rasas. As fêmeas põem dois ovos, cujo período de incubação é de cerca de quatro semanas.
Outras espécies são o grou cinzento (G. cinerea), talvez o mais belo; o americano (G. americana), que chega a ter 1,5m de altura; e o grou coroado (Balearica pavonina), de egreta na cabeça, existente em quase toda a África.


Veja também: