Giambattista Vico - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



176 Slides Power Point grátis

Só baixar, editar e começar a usar.

Giambattista Vico


  Biografias
Um dos primeiros fil¾sofos da modernidade, o italiano Giambattista Vico elaborou uma teoria cÝclica da hist¾ria e da cultura que foi divulgada por Benedetto Croce em 1911 e reapareceu com Oswald Spengler e Arnold Toynbee.
Giambattista Vico nasceu em Nßpoles, em 23 de junho de 1668. Filho de livreiro, freq³entou diversas escolas, mas adquiriu a maior parte de seus conhecimentos como autodidata. Entre 1686 e 1695 foi preceptor de uma famÝlia aristocrßtica de Vatolla, Salerno. Em 1699, assumiu a cßtedra de ret¾rica da Universidade de Nßpoles, funþÒo que desempenhou atÚ pouco antes de morrer.
O pensamento de Vico Ú essencialmente anticartesiano. Numa Úpoca dominada pelo progresso das ciÛncias naturais e da matemßtica, ele descartou o pensamento l¾gico que embasava as ciÛncias e preferiu os estudos hist¾ricos e literßrios, fundados na tradiþÒo e, assumidamente, destituÝdos de fundamento racional. Assim, pretendeu deduzir da etimologia das palavras o saber hist¾rico e entendeu a poesia como base de uma nova ciÛncia, a estÚtica, que diferia essencialmente do conjunto de regras enunciado por Arist¾teles.
Usando como instrumentos a lÝngua, a poesia e os mitos, Vico esboþou uma hist¾ria da civilizaþÒo cÝclica em que se repetem sempre as mesmas trÛs fases: a era dos deuses, em que os governos sÒo teocrßticos, uma vez que os homens temem o sobrenatural e acreditam que a lei tem origem divina; a era dos her¾is, em que a administraþÒo da justiþa Ú feita pela minoria aristocrßtica; e a era dos homens, em que os governos sÒo exercidos pelos pr¾prios homens, nascidos livres, com um sistema jurÝdico racional que garante direitos iguais para todos. Para alÚm dessa fase nÒo hß progresso possÝvel, e sobrevÛm a decadÛncia e o reinÝcio do ciclo.
╔ surpreendente o n·mero de idÚias pelas quais Vico antecipou o pensamento de historiadores e fil¾sofos posteriores. Inspiram-se nele a estÚtica da poesia popular e primitiva, de Herder e dos romÔnticos; a teoria de Friedrich Wolf sobre Homero como nome coletivo; a desidealizaþÒo da hist¾ria dos romanos, proposta por Niebuhr e Mommsen; a dialÚtica hist¾rica de Hegel; as trÛs fases hist¾ricas de Auguste Comte; a refutaþÒo do direito natural de Savigny; e a idÚia de luta de classes como motor da hist¾ria, de Karl Marx. Giambattista Vico morreu em Nßpoles, em 23 de janeiro de 1744.

Veja também: