Faia - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Faia


  Botânica

Ao chegar o outono, as regiões temperadas do hemisfério norte cobertas de bosques tingem-se de tons dourados, amarelos e acobreados. Nessa policromia, as faias se destacam pela elegância de seu porte e pelas tonalidades avermelhadas de suas folhas.
Faia (Fagus sylvatica) é uma árvore de folhas caducas, pertencente à família das fagáceas, que inclui, entre outras espécies, o castanheiro, as azinheiras e os carvalhos. Chegam a medir mais de trinta metros de altura e apresentam copa cheia e frondosa. As folhas são ovaladas e de borda inteira. Suas flores, reduzidas aos elementos reprodutores, agrupam-se diferenciadas por sexo. Os frutos são de cor parda ou vermelha, comestíveis, ricos em gordura e de sabor adocicado.
Encontradas na Europa, Ásia e América do Norte, as faias são árvores de clima frio e temperado que crescem em lugares úmidos. Sua madeira, de tonalidade clara, é muito utilizada em carpintaria. Do mesmo gênero são a faia americana (F. grandifolia), a japonesa (F. japonica) e a mexicana (F. mexicana), com folhas alternadas, elípticas e coriáceas, que chega aos quarenta metros de altura e cuja madeira apresenta listras escuras. No Brasil, é conhecida vulgarmente pelo nome de faia a Emmotum nitens, árvore de até cinco metros de altura, da família das icacináceas, que ocorre em Goiás, Pernambuco e Bahia.

 

Veja também: