Charles Le Brun - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Charles Le Brun


  Biografias

Como pintor, desenhista e ßrbitro da produþÒo artÝstica na Franþa na segunda metade do sÚculo XVII,  Le Brun foi um dos maiores responsßveis pela criaþÒo de um classicismo homogÛneo e acadÛmico, cuja influÛncia se estendeu por toda a Europa.
Charles Le Brun, tambÚm dito Lebrun, nasceu em Paris, em 24 de fevereiro de 1619. Iniciou sua formaþÒo com o pintor Guillaume Perrier e prosseguiu com Simon Vouet. Em 1642 viajou a Roma e ao longo dos quatro anos seguintes estudou as obras de seu compatriota Nicolas Poussin e dos decoradores barrocos italianos, entre os quais Pietro da Cortona. De volta a Paris, Le Brun foi encarregado da direþÒo de grandes obras decorativas e religiosas. Protegido de Nicolas Fouquet, ministro das Finanþas, e mais tarde de Jean-Baptiste Colbert, recebeu em 1661 a primeira encomenda, para LuÝs XIV, quando pintou "A tenda de Dario", inÝcio de uma sÚrie de telas sobre a hist¾ria de Alexandre o Grande. O Ûxito da obra valeu a Le Brun a nomeaþÒo para o cargo de primeiro pintor real. A partir daÝ, ocupou cargos de grande importÔncia na vida artÝstica da Franþa.
Em 1663 assumiu as funþ§es de diretor dos Gobelins, uma pequena fßbrica de tapetes que se tornou fornecedora de quase todas as casas reais da Europa. A partir da dÚcada de 1660, a decoraþÒo de todos os palßcios, sobretudo o de Versalhes, foi feita pelo ateliÛ de Le Brun. Reorganizou a Academia de Pintura e Escultura e criou a Academia Francesa, em Roma. Essas instituiþ§es conferiram Ó arte francesa sua homogeneidade caracterÝstica. Com a morte de Colbert, em 1683, Le Brun continuou a receber apoio do rei atÚ morrer, em Paris, em 12 de fevereiro de 1690.

 

Veja também: