Cesare Lombroso - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Cesare Lombroso


  Biografias
As teorias do psiquiatra e criminalista italiano Lombroso, hoje desacreditadas, levaram a um enfoque menos legalista e mais científico da criminalidade.
Cesare Lombroso nasceu em Verona em 6 de novembro de 1835. Estudou em Paris e Pádua. A partir de 1862 lecionou psiquiatria na Universidade de Pavia, onde escreveu L"uomo delinquente (1876; O homem delinqüente), uma das obras que deram origem à antropologia criminal. Para Lombroso, anomalias hereditárias, neurológicas ou psíquicas desempenham papel preponderante na formação da personalidade do delinqüente. De acordo com essas idéias, formulou a teoria do "criminoso nato", segundo a qual os criminosos poderiam ser identificados por determinados traços físicos. No ano de lançamento da obra, transferiu-se para a Universidade de Turim, onde lecionou até o fim de seus dias.
As teorias criminológicas de Lombroso alcançaram repercussão notável em alguns setores científicos, ao mesmo tempo que eram muito atacadas em outros, e afinal se comprovaram basicamente errôneas. Ao considerar os delinqüentes como doentes, porém, contribuíram para difundir a preocupação com um tratamento mais humanitário aos condenados. Genio e degenerazione (1898; Gênio e degeneração) é uma extensão de suas teses a outros tipos psicológicos. Lombroso morreu em Turim em 19 de outubro de 1909.

Veja também: