Canguru - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Canguru


  Taxonomia
Conta-se que quando James Cook desembarcou na Austrßlia no sÚculo XVIII, quis saber o nome de um estranho animal que vira perto do acampamento. Os aborÝgines, nÒo entendendo o que o navegador inglÛs lhes perguntava, responderam: "Kan ga ru", que significa "nÒo compreendo". Verdadeira ou nÒo, a hist¾ria reflete o interesse que esse animal desperta por suas caracterÝsticas anat¶micas e fisiol¾gicas.
Canguru Ú um mamÝfero marsupial, ou seja, dotado de uma espÚcie de bolsa, o mars·pio, dentro da qual o filhote completa seu desenvolvimento. Compreende grande n·mero de espÚcies e variedades da Austrßlia, TasmÔnia, Nova GuinÚ e ilhas Bismark, com tamanho e cor muito varißveis. Existe canguru do tamanho de uma lebre e outros mais altos do que o homem. Em geral, predominam os tons pardos e cinzas. O filhote, ao nascer, cerca de quarenta dias ap¾s a concepþÒo, mede poucos milÝmetros e pesa quase trinta mil vezes menos que a mÒe. Seu desenvolvimento, muito rudimentar, precisa ser completado no mars·pio durante outros 200 dias.
As patas traseiras sÒo largas e fortes, com um quarto dedo muito desenvolvido e provido de grande unha. A cabeþa Ú pequena e apresenta orelhas enormes. A cauda, muito comprida e grossa, serve como ¾rgÒo de equilÝbrio e tambÚm como suporte quando o animal se alimenta, formando entÒo um tripÚ com as patas traseiras. Os cangurus costumam andar aos saltos, que nas espÚcies maiores podem ser muito extensos. SÒo herbÝvoros e utilizam as patas dianteiras para colher folhas e raminhos.
Os cangurus propriamente ditos incluem-se no gÛnero Macropus, e entre eles destacam-se o canguru-vermelho (M. rufus ou Magaleia rufa), com cerca de dois metros de comprimento, que vive em zonas de savana, e o canguru-gigante cinzento (M. giganteus ou M. canguru), que pode chegar aos trÛs metros e forma grandes rebanhos em ßreas de bosques. Os cangurus arborÝcolas, que oscilam entre 95 a 175cm de comprimento, pertencem ao gÛnero Dendrolagus. Outras espÚcies interessantes pertencem ao grupo chamado cangurus-lebres, do gÛnero Lagostrophus, pequenos e com aspecto de roedor.

Veja também: