Cachalote - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Cachalote


  Taxonomia

Verdadeiros gigantes dos mares, os cachalotes são, junto com as baleias, os seres vivos de maiores dimensões e um dos mamíferos que se adaptaram melhor ao meio aquático.

O cachalote comum (Physeter catodon) é um mamífero cetáceo, da família dos fiseterídeos, que, ao contrário da baleia, possui dentes, muito maiores e mais visíveis na mandíbula inferior. Seu comprimento chega a vinte metros e o peso atinge cinquenta toneladas. A cabeça do cachalote, quadrangular e desproporcionalmente grande (corresponde a um terço do comprimento do corpo), contém um líquido oleoso  denominado espermacete, que, confundido durante muito tempo com o esperma do animal, deve estar relacionado com a fisiologia da imersão.

É utilizado em cosméticos e como lubrificante. No intestino do cachalote forma-se a substância conhecida como âmbar cinzento, composta pelos resíduos dos bicos córneos dos calamares gigantes, base de sua alimentação. É empregada em perfumaria como fixador de essências.

Mamíferos gregários, os cachalotes vivem em grupos constituídos de um macho adulto e dezenas de fêmeas e animais jovens. Ocorrem às vezes agrupamentos de machos jovens e também de adultos solitários. O esguicho de ar que o cachalote projeta ao exterior, quando surge à superfície, brota obliquamente -- e não em forma vertical, como o das baleias. O tempo de gestação não é conhecido, embora se suponha que oscile entre 12 e 16 meses. Em cada parto costuma nascer uma única cria, com cerca de uma tonelada.

Uma espécie com reduzido número de indivíduos é o cachalote anão ou pigmeu (Kogia breviceps), que mede cerca de quatro metros e pesa em média 300kg.



Veja também:




Copyright © 1999 - 2021 - Development by Dolci Tecnologia. Todos os direitos reservados