Bisão - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Bisão


  Taxonomia

Durante milênios o bisão foi animal mítico, caça e garantia de sobrevivência para o homem primitivo no hemisfério norte. Assim atestam as pinturas rupestres encontradas em numerosas cavernas na Europa. O bisão constitui também um elemento-chave na cultura dos índios norte-americanos, que dele obtinham toda uma série de produtos básicos.

Mamífero artiodáctilo (suas patas terminam em número par de dedos), o bisão pertence à família dos bovídeos e dele se conhecem duas espécies: o bisão americano, de maior porte, e o europeu, menos robusto e de pelo mais curto, do qual só sobrevivem manadas pouco numerosas.

O bisão americano (Bison bison) é um animal de presença imponente: os machos atingem 1.300kg de peso e quase dois metros de altura. Seu pelo é castanho, salvo na cabeça e nas patas dianteiras, coberto de espessas mechas negras. Tanto o macho como a fêmea são dotados de chifres e apresentam acentuada corcova, formada por protuberâncias ósseas das vértebras. Alimenta-se da erva que cresce nas grandes pradarias americanas.
As fêmeas e os animais jovens, por um lado, e os machos, por outro, vivem agrupados em seus próprios rebanhos e só formam comunidades na época do cio, que ocorre no verão.

Nesse período, os machos realizam combates espetaculares, investindo uns contra os outros de cabeça baixa para medirem forças. Os vencedores formam par com a fêmea e afastam-se da manada. Após o acasalamento, o período de gestação dura nove meses e nasce um filhote por parto. À beira da extinção no princípio do século XX, em virtude de intensas campanhas de caça, suas populações recuperaram-se parcialmente devido à proteção legal de que desfrutam em parques como o de Yellowstone, nos Estados Unidos, e outros no Canadá.

O bisão europeu (B. bonasus) é uma espécie adaptada ao habitat de bosque e se alimenta de gramíneas. Outrora abundantes na Europa, esses animais agora só sobrevivem em pequeno número e sob proteção em parques como o de Bialowieza, na Polônia.


Veja também: