Aracnídeos - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Aracnídeos


  Artrópodes

As aranhas, escorpi§es e ßcaros sÒo os aracnÝdeos mais conhecidos. Essa classe de artr¾podes predadores tem dezenas de milhares de espÚcies e subespÚcies. Muitos deles sÒo extremamente ·teis ao homem porque combatem pragas e se alimentam de insetos transmissores de doenþas, mas outros provocam enfermidades e alguns possuem uma peþonha que pode ser mortal.


CaracterÝsticas gerais. Os aracnÝdeos sÒo invertebrados artr¾podes (providos de apÛndices articulados), aparentados com os insetos, crustßceos e centopÚias. Contudo, diferem desses porque tÛm quelÝceras, apÛndices venenosos localizados perto da boca, e sÒo desprovidos de antenas e mandÝbulas.
Em geral, o corpo se divide em duas regi§es caracterÝsticas: uma anterior, o cefalot¾rax (formado pela uniÒo da cabeþa com o t¾rax), onde se inserem as patas e se localizam os olhos e as quelÝceras, e outra posterior, o abdome, que Ú segmentado nos escorpi§es, indiviso nas aranhas e nos ßcaros nÒo apresenta limite perceptÝvel com o cefalot¾rax.
Junto Ós quelÝceras, os aracnÝdeos possuem um par de apÛndices alongados que se denominam pedipalpos. Nos escorpi§es eles sÒo muito desenvolvidos e formam uma espÚcie de pinþa com as quais retÛm as presas. Muitos aracnÝdeos usam esses apÛndices para reconhecer o terreno e tatear o solo. AlÚm disso, tÛm quatro pares de patas, divididas em diferentes partes, articuladas de modo a permitir andar, nadar e escavar. Na parte anterior do corpo, situa-se uma sÚrie de olhos simples, orientados em diferentes Ôngulos.
Os aracnÝdeos sÒo animais predadores. Capturam suas presas -- insetos, vermes, outros aracnÝdeos e atÚ pequenas aves -- e, pelos canais existentes no interior das quelÝceras, inoculam na vÝtima o veneno segregado por glÔndulas situadas perto da boca. Esse veneno dissolve os tecidos da vÝtima, decompondo-os e reduzindo-os a uma polpa pastosa que os aracnÝdeos absorvem.
Os ßcaros, em geral, nÒo tÛm sistema respirat¾rio. Os escorpi§es tÛm quatro pares de pulm§es traqueais, ou filobrÔnquias, que se comunicam com o meio exterior por meio de um estigma, ¾rgÒo respirat¾rio que abre e fecha. O aparelho digestivo comp§e-se de trÛs partes. Na anterior, digere-se parcialmente o alimento. Na mÚdia, a digestÒo se completa. A excreþÒo Ú feita por ¾rgÒos com a aparÛncia de feixes de pelinhos finos, os vasos de Malpighi, que se comunicam com a parte posterior do intestino.
A maioria dos aracnÝdeos Ú ovÝpara. Os ovos sÒo fecundados pela mÒe no momento da postura. Os ßcaros e escorpi§es sÒo ovovivÝparos ou vivÝparos. AtÚ alcanþar o tamanho definitivo e a maturidade sexual, os aracnÝdeos passam por uma sÚrie de mudas.


Principais grupos. Os aracnÝdeos compreendem diversas ordens, entre as quais se destacam a dos escorpi§es, a dos araneÝdeos, a dos opili§es e a dos ßcaros.
Os escorpi§es tÛm o abdome dividido em duas regi§es: uma anterior, tÒo larga quanto o cefalot¾rax, e outra posterior, tambÚm chamada cauda, mais estreita e dividida em segmentos. Esta ·ltima termina no chamado telso (·ltimo anel do abdome), onde se localiza uma glÔndula peþonhenta.
Os araneÝdeos, ou aranhas, caracterizam-se por duas regi§es corporais separadas por uma cintura estreita. AlÚm disso, tÛm a capacidade de segregar, por apÛndices posteriores denominados fiandeiras, uma substÔncia sedosa com a qual muitas espÚcies fabricam teias. Os opili§es possuem um corpo diminuto, sustentado por patas finas e compridas, semelhantes a pÛlos. SÒo animais de hßbitos gregßrios, freq³entemente vistos em reentrÔncias, agrupados em grande n·mero. No grupo dos ßcaros hß muitas espÚcies de parasitas, como os carrapatos e o Sarcoptes scabiei, causador da sarna humana.