Laranja - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Laranja


 Frutas Comestiveis

Originária do sul da Ásia e levada para a península ibérica pelos árabes, a laranja é uma das frutas mais apreciadas. Consumida em estado natural ou em sucos e doces, seu cultivo estendeu-se a todos os continentes.
Laranja é o fruto da laranjeira (Citrus sinensis e C. aurantium), árvore do gênero Citrus e da família das rutáceas, espinhosa, de altura mediana -- de três a seis metros de altura, embora possa ser mais alta. Suas folhas são aromáticas, semicoriáceas, brilhantes e de cor verde-escura. As flores são brancas, pequenas e de suave fragrância. A laranja é uma fruta arredondada, carnuda, de tamanho variável e formada por gomos de polpa sumarenta e doce. Apresenta grande variedade de formas, resultante do cultivo e da hibridação de diferentes espécies. O sabor e a cor da laranja são mais ou menos intensos, conforme sua variedade. Em geral, tem gosto agradável e refrescante. Apresenta grande valor alimentício, tanto por seu elevado conteúdo de vitamina C, quanto de diversos minerais, como cálcio, potássio e ferro.
Há muitas variedades, ou subespécies, de laranja, algumas bem diferentes da espécie original. A laranja-da-baía, originária do estado da Bahia e depois cultivada também na Califórnia, caracteriza-se por ser muito grande e sem sementes. O apêndice polposo característico dessa subespécie lhe valeu o nome de laranja-de-umbigo.
A laranja-da-terra, também conhecida como laranja-amarga ou laranja-azeda, é de cor amarelo-forte, casca espessa e áspera, mesocarpo grosso, esponjoso e branco, com que se fazem excelentes compotas. Do epicarpo, da flor e da folha, extraem-se óleos essenciais conhecidos por essência de laranja-amarga e de flor de laranjeira. É a mais utilizada pela medicina, por possuir propriedades sedativas sobre o sistema nervoso. É empregada no fabrico da água de flor de laranjeira, do conhecido licor de curaçau, do óleo de nerol e da essência de flores, usada em perfumaria. A parte branca do fruto contém hesperina, princípio ativo de alto valor tônico.
A laranja-lima tem frutos mais arredondados e a casca fina, mas levemente enrugada. Seu suco é bastante doce e quase sem acidez, pelo que é a mais recomendada para as crianças e pessoas de digestão delicada. A laranja-pêra, cuja forma alongada lembra a de uma pêra, tem frutos de tamanho médio e poucas sementes, de cor amarela variável. Outra laranja especial é a toranja, toronja ou grape-fruit (C. maxima), duas ou três vezes maior que uma laranja comum. Por ser muito ácida, só é consumida, ao natural, com açúcar, mas também se emprega no preparo de doces e refrescos.
O cultivo da laranja exige clima temperado ou quente, livre de geadas, e terrenos profundos, de terra fofa. A laranjeira começa a dar frutos três anos após o plantio, mas seu pleno rendimento só é alcançado muito mais tarde.
O suco de laranja tornou-se item importante na pauta do comércio internacional de muitos países, alguns dos quais, como Israel, não possuíam originalmente condições climáticas para sua produção, mas as alcançaram graças a avançadas técnicas de irrigação e fertilização.