Bouba - BioMania
O melhor portal biológico da internet!



Bouba


 Patologias

Encontrada exclusivamente nas regiões tropicais, a bouba predomina na América do Sul (Brasil), na Ásia (Índia) e na África (Madagascar).
Também conhecida como framboesia ou piã, a bouba é uma doença contagiosa, causada pelo espiroqueta Treponema pertenue. No Brasil, os estados mais afetados são Amazonas, Pará, Ceará, Paraíba e Pernambuco. O T. pertenue, cuja morfologia assemelha-se à do T. pallidum (agente etiológico da sífilis), foi descoberto pelo italiano Aldo Castellani em 1905.

A bouba se caracteriza, de maneira geral, por lesões cutâneas, seguidas de uma erupção generalizada e, às vezes, por lesões tardias da pele e dos ossos. Como na sífilis, descrevem-se três estágios: o primário (cancro piânico); o secundário, caracterizado por febre, prurido e erupção papulosa avermelhada (framboesia); e o terciário, em que ocorrem invasão tecidual, óssea e subcutânea, ulcerações e destruições localizadas como as nasais e faríngeas (gangosas) e formações vegetantes ou hiperostoses (como a do maxilar superior ou gundu). A transmissão se dá por contato direto com portadores de lesões abertas que contêm o germe, por objetos contaminados e ainda por certas espécies de moscas.

A presença do germe no organismo pode ser detectada por métodos como a reação de Kahn e a reação de Bordet-Wassermann, empregadas também para diagnosticar a sífilis. O tratamento é igual ao desta.